coxinha de batata sem farinha de trigo

Eu amo coxinha mas nunca tive coragem de fazer massa porque dá muito trabalho. Essa receita foi uma revolução na minha vida de tão fácil que é. Tudo que você vai precisar é de batata e farinha de mandioca. Parece impossível mas não é. E o melhor: quem tem doença celíaca ou alguma dieta restritiva de trigo pode voltar a comer coxinha \o/

2 xícaras e meia de batata cozida e espremida (em torno de 5 batatas médias)
1 xícara de farinha de mandioca (talvez precise mais um pouquinho)
sal a gosto

Essa é a base da massa. Você vai misturar o purê já frio com a farinha até formar uma massaroca. Talvez nem seja necessário, mas pra facilitar, você pode enrolá-la com plástico filme e colocar na geladeira por 30 minutos. Fica com uma consistência mais durinha pra trabalhar.

Enquanto a massa está na geladeira, coloque um peito de frango para cozinhar com uma cebola, um tomate e dois dentes de alho cortados grosseiramente. Aí vão os temperos que você quiser. Usei salsinha, cebolinha, noz moscada, pimenta do reino um pouco de páprica picante. Desfie o frango, coe o caldo e reserve.

Já no frango desfiado, adicione duas colheres de sopa de requeijão, uma colher de sobremesa de mostarda dijon e um pouco do caldo do frango e leve ao fogo pra incorporar tudo. Essa fase é opcional, se você quiser deixar o frango desfiado sequinho, não coloque nada.

Agora é hora de trabalhar a massa. Antes de começar a fazer suas coxinhas, eu sugiro que você pegue um pouco da massa e jogue em bastante óleo quente (o mesmo que você vai usar pra fritar suas coxinhas). Faça o teste do sabor da massa pois talvez ela precise de mais sal. Também cabe aqui adicionar o tempero de sua preferência, se quiser. Você pode também fazer uma mini coxinha pra testar o sabor da massa junto com o recheio. Tudo isso vai variar de gosto pra gosto. No meu caso, achei que a massa ficou sem graça pura, mas com o recheio ela se completa.

Para montar as coxinhas, faça bolinhas mais ou menos do tamanho que você quer que elas fiquem. Abra a massa na mão e faça uma espécie de copinho onde você vai colocar o recheio. Importante usar o recheio já frio, pois fica mais consistente e não tem a tendência de abrir a massa. Feche a tampa com mais massa e faça o rabinho da coxinha.

Para fritar, não é necessário empanar nem nada: jogue-as em bastante óleo bem quente e frite poucas de cada vez pra a temperatura do óleo não cair demais. Você vai ver como ela já sai sequinha da fritura pro papel e quase não absorve óleo.